BMW 118i Sport GP TURBO GASOLINA

BMW 118i Sport GP TURBO GASOLINA

Detalhes do Carro:
Tipo Hatchback
Km N/A
Combustível Gasolina
Motor 1.6 Turbo
Ano 2012
Preço N/A
Transmissão Automatico
Tração FWD
Cor Exterior Preto Sólido
Cor Interior Bege
Tempo de Vôo N/A
Horas de navegação N/A
Blindado Não
Opcionais
  • Air Bag
  • Alarme
  • Bancos em Couro
  • Câmera de Ré
  • Controle de Estabilidade
  • Controle de Tração
  • Desembaçador Traseiro
  • Direção Hidraulica
  • Freio ABS
  • Teto Solar
  • Travas Elétricas
  • Vidros Elétricos
  • Volante Com Regulagem de Altura

BMW 118i Sport GP TURBO GASOLINA

 

 

 

BMW 118i Sport GP TURBO GASOLINA

A estrela da BMW  BMW 118i Sport GP TURBO GASOLINA, a nova

geração do BMW Série 1, chega em abril ao Brasil trazendo ao segmento

de hatches compactos de luxo mais interatividade, potência e um câmbio

automático de oito marchas que muda completamente a proposta de

condução de um modelo cinco portas. A segunda geração, que utiliza

a plataforma do Série 3, estreia inicialmente no país em três versões:

a mais “clássica” 118i

Para maio, a BMW revelou que pretende trazer uma quarta versão,

chamada “Full”, que será a topo de linha. O Novo BMW Série 1 é feito

nas instalações de montagem da BMW em Regensburg, na Alemanha.

Por enquanto, o Série 1 concorre com modelos como Audi A3, Volvo

C30 e, pela faixa de preço e perfil de consumidor, o Mercedes-Classe B

— só que em 2013 está prevista a chegada do novo Classe A, que promete

dar uma chacoalhada neste segmento. E o que o hatch da BMW traz de

melhor está escondido sob o capô, além de ainda ser o único carro com

tração traseira em sua categoria.

A grande promessa do modelo é a combinação do motor

1.6 16V turbo de 172 cavalos de potência máxima a 4.800

rpm e um torque máximo de 25,4 kgfm de torque entre

1.500 e 4.500 rpm. Ele usa uma tecnologia mais aplicada em

modelos de segmentos superiores para ter tal desempenho em

baixas rotações. É a chamada TwinPower Turbo, que não

utiliza o sistema bi-turbo, de duas pequenas turbinas,

mas sim um turbo compressor “twin-scroll”, que é maior e

otimiza a combustão com dutos separados tanto no tubo

de escape quanto no próprio sistema turbo, cada um servindo um par de cilindros.