Gla 250 Sport Blindada MgTech 2015 Branca

R$ 189 500

Gla 250 Sport Blindada MgTech 2015 Branca

Detalhes do Carro:
Tipo Esportivos
Km 25000 km
Combustível Gasolina
Motor
Ano 2015
Preço 199500
Transmissão
Tração 4WD
Cor Exterior Branco Sólido
Cor Interior N/A
Tempo de Vôo N/A
Horas de navegação N/A
Blindado N/A

                         Gla 250 Sport Blindada MgTech 2015 Branca

 

 

Blindado, Garantia de fábrica, IPVA pago, Licenciado, Não aceita troca, Todas as revisões feitas pela concessionária, Único dono
TOP DE LINHA, COMPLETÍSSIMO, VERSÃO SPORT COM KIT ///AMG (RODAS, PARA-CHOQUES, SPOILERS, PEDALEIRAS, BANCOS, ESCAPAMENTO) BLINDADO MGTECH, DOCUMENTAÇÃO TODA OK, IPVA 2017 E ALTERAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS PARA BLINDAGEM NO EXERCITO E DETRAN OK, ÚNICO DONO, SEM DETALHES. PODE BUSCAR REFERENCIA DO CARRO NA CONCESSIONÁRIA AGO, ONDE COMPREI DESDE ZER

 

Gla 250 Sport Blindada MgTech 2015 Branca

Chegada do modelo aumenta a oferta do SUV para sete versões. Além do motor 1.6 turbo, o compacto agora pode vir equipado com um 2.0 turbinado de 211 cv

testesOs esforços da Mercedes-Benz para renovar sua linha de produtos fizeram efeito: hoje, 50% do volume de vendas da marca vem de uma nova geração de carros compactos. E o GLA é fruto dessa safra, conhecida internamente pela sigla NGCC – acrônimo em inglês para Nova Geração de Carros Compactos. Ele estreou no Brasil há oito meses em três versões equipadas com motor 1.6 turbo, seguidas pelo esportivo GLA 45 AMG. E agora é a vez de o 2.0, também turbinado, entrar no leque de opções. O novo motor, de 211 cv, tem 55 cv a mais do que o 1.6 (156 cv). Mas o upgrade não custa pouco.O GLA 250 Vision, equivalente em equipamentos à versão 200 Vision (1.6), parte de R$ 171 900 – um acréscimo de R$ 17 000. De série, vem com ar-condicionado de duas zonas, teto solar panorâmico, GPS, banco elétrico para o motorista, rodas de 18 polegadas, sensor de chuva, câmera de ré, faróis bixenônio com leds e freio de estacionamento automático.Levamos para a pista a versão Sport, a mais cara com motor 2.0, por R$ 189 900. Inclui banco do passageiro e tampa do porta-malas com acionamento elétrico e sistema de partida sem chave. Visualmente, é a que mais se diferencia das demais, pois conta com acessórios de estilo da AMG. O kit acrescenta rodas de 19 polegadas, para-choques com entradas de ar alargadas na parte inferior, spoilers e soleiras de alumínio e tapetes com o logotipo da divisão esportiva. Na parte interna, painel, console e portas têm apliques de alumínio fosco. E os bancos de couro são costurados com

linha vermelha.

A motorização mais forte baixou os tempos do GLA na pista de testes. Na prova de aceleração, fomos da inércia aos 100 km/h em 7,8 segundos. O GLA 1.6 precisa de 9,6. As retomadas de velocidade também evoluíram: entre 40 e 80 km/h, o tempo diminuiu de 4 para 3,1 segundos. Entre 80 e 120 km/h, o resultado foi ainda melhor: queda de 6,9 para 4,9 segundos. E tudo isso com impacto mínimo no consumo. Em ciclo urbano, o GLA 2.0 marcou 10,6 km/l, ante 11,4 do 1.6. Na estrada, foi um empate técnico. O GLA 250 registrou 15,2 km/l, enquanto o GLA 200 fez 15,3. Os números comprovam que o motor 2.0 oferece mais eficiência do que o bloco com menos capacidade volumétrica.

Outra novidade na linha é o 200 Style, que parte de R$ 128 900. Mas essa é uma versão fantasma. Ou seja, a própria Mercedes reconhece que se trata de um chamariz publicitário. A compra ideal começa com o GLA 200 Advance por R$ 136 900. A diferença de R$ 8 000 acrescenta o Active Parking Assist (tecnologia que estaciona sozinha), suspensão com ajuste off-road, faróis de xenônio com leds

com lavadores e barras no teto.

Dotado de tração dianteira, pneus de 19 polegadas e vão livre baixo, é um SUV estritamente urbano. O GLA coloca a Mercedes na onda dos compactos e mantém os preços elevados da estrela de três pontas. Hoje é importado da Hungria, mas ganhará produção nacional até 2016. No ano que vem, a fábrica de Iracemápolis, no interior de São Paulo, começará a fabricar o GLA e o sedã Classe C.

VEREDICTO

A estrela na grade do GLA 250 custa caro demais. Por quase R$ 200 000, há opções mais interessantes, incluindo SUVs.

★★★★☆